17.08.07
Foi naquela maravilhosa viagem que conheci aquele que é hoje um dos meus melhores amigos. Hoje, esse grande amigo faz anos, e este é o meu pequeno gesto para o homenagear. Para ti Loirinho, momentos que ficaram destes dois anos: as nossas viagens de montanha-russa; a maçã de caramelo; os Campos Elísios! a torre Eiffel iluminada pelo sol de dia, e pelas luzes douradas à noite; a pulseira do Brasil que já viajou mais que eu, que me deste a bordo da viagem no rio Sena; as batatas fritas com pizza; as batatas fritas com frango; as batatas fritas com hamburguer; o hamburguer que toda a gente comeu; a chuva e as capinhas do tweety; o porta chaves da minnie que dá beijinhos; as conversas durante as viagens sobre tudo e mais alguma coisa; a partilha; aquele beijo que aconteceu não sabemos como; as luzes do Futuroscope; as aventuras; as "saídas do grupinho da viagem" em que só iamos 3; a praia; a pulseira que me trouxeste da Turquia; as confidências; as brincadeiras; os filmes na camioneta que mais ninguém viu; a Baía de Biarritz; os telefonemas no hotel; a odisseia para pedir mais toalhas para o quarto; as lutas de almofadas; os vizinhos do andar de cima; os jogos de futebol no corredor; as bolachas voadoras; a tristeza pela perda de Portugal; o Mont St. Michel; as fotografias; as músicas; as "sombras"; as minhas sardas, que tanto gostas; o "Nick Carter" versão maiata xP; os sumos naturais da pastelaria da Foz; o farol; o calor; a piscina; a tua irmã, a tua prima, o teu primo, a namorada do teu primo, os amigos da namorada do teu primo, a tentar arranjar-nos casamento; a minha primeira vez de metro; a primeira vez que fui de metro e tu ficaste; a festa de aniversário; o trivial pursuit; os matrecos; a AMIZADE. Tantas boas recordações que me ficam... Agora que vais seguir outro caminho, provavelmente algo se perderá. Mas tu, ficarás sempre aqui <3. Gosto-te muito Loiro :)

13.08.07

"E a conclusão é: de qualquer forma, o amor é um sentimento estúpido".

 

E foi a esta conclusão que chegamos, eu e o Loiro, companheiro de sempre. Depois de uma tarde naquela esplanadazinha simpática, a ver o mar e casais amorosos a passear, esta foi a grande verdade que conseguimos retirar.

 

"Hm hm, concordo. Mas porque dizes isso?".

"Fácil. Olha para nós os dois! Nós somos perfeitos um para o outro. Damo-nos bem, divertimo-nos imenso juntos, temos gostos em tudo semelhantes e os que não temos dão origem a conversas fantásticas de partilha. Conseguimos ter conversas interessantes e profundas, mas, quando é preciso, sabemos brincar como dois parvalhões. Até fisicamente, vê lá, eu aqui com os meus irrestisíveis cabelos loiros e olhos azuis. (gargalhada minha altíssima, fez uma gaivota voar!) Dávamos excelentes namorados, e éramos felizes para sempre. Mas, coincidência ou não, não nos amamos."

"Certíssimo. É estúpido. Em compensação, eu estou com um rapaz com quem não tenho nada a ver, o que faz com que 90% das conversas sejam discussões. Mas não me imagino sem aquele reles! E tu, estás sozinho, apaixonado por uma algarvia que só vê em ti um amigo. Não há justiça!"

"É verdade, é terrível. Nada neste mundo faz sentido. Muito menos no que diz respeito ao amor."

"Como se nós soubéssemos o que isso é..."

"Não sabes?"

"Sei lá se sei. Se calhar daqui a nada sinto algo totalmente diferente por outra pessoa e penso: ah sim, isto é que é amor!"

"Isso é porque há vários tipos de amor, Verinha."

"Definitivamente, Amor é a palavra que eles inventaram para definir uma receita, não a comida!Os ingredientes são sempre os mesmos, mas o resultado varia tanto..."

 

 

sinto-me: amorosamente filosófica
música: dave mathews band - two step
publicado por Vera às 03:43

"Quem se aborrece com a repetição, porque não é capaz de gozar as subtis diferenças que ela nos traz, não conseguirá mais do que repetir o seu aborrecimento, mudem o que mudarem os seus hábitos quotidianos". (Fernando Savater)
mais sobre mim
Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
16
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


arquivos
2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2005:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO