03.09.09

 

Toda a gente fala dele.

"O amor da minha vida." O amor de uma vida. “O” amor, aquele como mais nenhum.

Seja o primeiro, seja o último, ou nenhum deles.

Aquele que nos arrebata, nos deixa no céu, nos leva ao inferno. Aquele que é capaz de nos deixar no auge da felicidade, e na mais profundas das tristezas.

Aquele que nos consome todos os dias, que nos cataliza todo e qualquer pensamento.

Precisamos mais do que queremos, e ainda queremos mais do que podemos algum dia ter. A toda a hora é pouco para viver tal amor! Rimos sozinhos, a barriga remexe com simples pensamentos, o coração acelera a cada beijo. Sensações que perduram com o tempo....

Acreditamos que será eterno e não questionamos nunca a sua força, o seu poder, qual líder do nosso coração.

Todos os planos são feitos com e para ele. Não há vacilos, nem perguntas. Não, O amor é certo e soberano! Com ele, tudo é possível...

 

 

Não há sensação mais aniquiladora do que não ser "O" amor do Amor da nossa vida.

Não há sentimento mais comisero do que ser O Amor da vida de alguém que não o nosso.

 

 

 

I'm still looking for my ultimate love.

"Não quero ser o primeiro amor na vida de um homem. Queria sim ser o último."

publicado por Vera às 00:38

"Quem se aborrece com a repetição, porque não é capaz de gozar as subtis diferenças que ela nos traz, não conseguirá mais do que repetir o seu aborrecimento, mudem o que mudarem os seus hábitos quotidianos". (Fernando Savater)
mais sobre mim
Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30


arquivos
2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2005:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
blogs SAPO